Emocionário

Por professores, tutora e alunos do 3º ano do Fundamental I | 19 de outubro de 2020

Muito tem se falado na educação sobre as habilidades socioemocionais. No Grupo Balão Vermelho as emoções são tratadas de forma especial. O caminho que percorremos para abordar esse assunto passa por proporcionar vivências para que as crianças possam experimentar e expressar suas emoções e assim irem construindo saberes. A formação de um aluno protagonista, principalmente em uma escola construtivista, precisa estar muito atenta ao sujeito e a sua história. Vejam um exemplo de um belo trabalho dos alunos do Fundamental I: O Emocionário

Livro: Emocionário. Diga o que você sente – Cristina Núñez e Rafael Valcárcel

Distanciar-se dos amigos, dos parentes… tem sido um desafio para todos nós, porém, especialmente, para as crianças.

O contato físico, o cochicho, a troca de lanches, as risadas soltas deram lugar à compartilhamentos virtuais. E como se expressar nesse contexto de pandemia, sem um toque ou o abraço do(a) amigo(a) querido(a)? 

Pensando nisso, a equipe do 3º ano elegeu o livro “Emocionário. Diga o que você sente”, de Cristina Núñez e Rafael Valcárcel, que descreve, de maneira leve e interligada, 90 emoções, como mais uma oportunidade de trabalhar a expressão entre as crianças.  

E assim, as crianças dos 3º anos (manhã e tarde), inspiradas pela leitura do livro, foram desafiadas a escreverem sobre uma emoção. 

Convidamos a todos a apreciarem trechos do Emocionário do 3º ano! Quem sabe, você também não se inspira e cria o seu próprio Emocionário?!

Ternura

“A ternura é aquele sentimento gostoso que dá quando você olha um animal fofo ou um filhote e também vemos coisas emocionantes e lindas. A ternura pode ser representada por coisas lindas, fofas e carinho que vemos e ouvimos e ela está perto do Amor.”

Liberdade

“Liberdade é se sentir livre, à vontade, e não dentro de paredes ou de um lugar fechado. Liberdade faz você se sentir segura. E acaba com a vergonha.

Quando nos sentimos livres?

Quando estamos livres de alguma coisa ou quando estamos ao ar livre. Também podemos sentir quando temos a sensação de fazer o que mais temos vontade. E isso nos faz felizes.”

Ciúme

“O ciúme é uma sensação que você está sendo trocado, ou em outro caso, que você está sendo traído, mas você não está e isso é uma sensação bem ruim, mas que passa logo.”

Tristeza

“Insatisfação, melancolia. É como se faltasse alegria na gente. Por exemplo, nesse momento delicado que o mundo está passando.”

Saudade

“A saudade dói, ela é triste. Os seus sentimentos se tornam um vazio. Você sente que falta uma parte de você. Você se sente solitário.”

Ansiedade

“A ansiedade é quando você não aguenta esperar por algo, quando você fica agitado. 

Como identificamos a ansiedade – Quando alguém fica ansioso, a voz fica mais aguda e fica dando risadas nervosas.”

Coragem

“É quando você está forte, seguro de si e venceu o medo. É quando você acredita que vai conseguir!”

Alegria

“É uma sensação de animação, de grande felicidade. Por exemplo, é o que você sente quando você encontra uma pessoa de quem estava sentindo muita saudade ou quando ganha um presente que queria muito.”

Irritação

“É o incômodo sentido e causado por uma pessoa ou coisa.”

Felicidade

Amor

“De todas as emoções, o amor é a mais contraditória. Ele pode provocar um sorriso no rosto, mas também pode ser um lago de lágrimas.”

Imagens: Alunos do 3º ano do Fundamental

Gostou dos trechos do Emocionário do 3º ano? Então aproveite para entender melhor sobre o distanciamento e a importância do aluno protagonista.

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *